20120410141000_capa

Costumes de Juazeiro do norte

Muita gente vem para Juazeiro do norte visitar, fazer turismo, pagar promessas etc, mais já se perguntou qual será os costumes do povo de Juazeiro do norte?

Nessa matéria vou falar alguns deles pra você, vai achar um tanto curioso aposto, e quando visitar além de conhecer melhor os costumes e o jeito do povo de Juazeiro, vai também realizar alguns deles

Numero 1 dar três voltas na bengala da estatua de padre cicero.

É comum, ao visitar a Estátua do Padre Cícero que fica localizada na colina do Horto em Juazeiro do Norte, dar três voltas ao redor da Bengala como forma de agradecimento por ter chegado até ali, e também como uma maneira de cumprir um ritual.

Numero 2 dar uma volta no Passeio das almas.

Algumas vezes durante o ano a parte superior da Igreja do Franciscano, localizada no bairro Franciscanos, é aberta para visitação pública, geralmente na época das Romarias. Como fica fechada durante o resto do ano, os populares passaram a chamar de Passeio das Almas, um costume bastante comum em Juazeiro.

Numero 3 Já tomou o balsamo da vida.

A Receita é do Padre Cícero, mas hoje é vendido exclusivamente na Farmácia dos Pobres na Av. Padre Cícero, em Juazeiro. E o Bálsamo serve pra tudo! Quando criança tomava pra dor de barriga, dor de cabeça, passava no machucado, ferida. Enfim, é mesmo um santo remédio.

Numero 4 Assistir a missa de chapéu.

No encerramento de toda Romaria é tradição em Juazeiro do Norte os Romeiros e quem estiver presente, assistir a última missa do evento com o chapéu na cabeça, e no final abaná-lo como sinal de agradecimento. um dos costumes levado pela crença e pela fé.

Numero 5 Chamar refrigerante de caju de cajuína.

O nome verdadeiro é Refrigerante de Caju, mas em Juazeiro ninguém chama assim. É Cajuína, que por sinal, bem gelada, é o melhor refrigerante da região.

Costumes curiosos não…

ressurreição_pc

Ressurreição de Cristo e a pascoa

A pascoa para maioria das pessoas e uma data de festividades, trocas de ovos e chocolates guloseimas em geral, mas muitos esquecem do seu real significado que e a ressurreição de Jesus Cristo o filho de Deus.

A pascoa para os Cristãos e uma das festividades mais importantes do ano pois e quando Jesus o filho de Deus que morreu por nós na cruz ressuscitou, com a pascoa vem também suas crenças e uma delas e a quaresma que começa na quarta feira de cinzas e termina no domingo de pascoa, onde os católicos são encorajados a não comer carne como forma de penitencia e respeito, ainda dentro do cristianismo também temos os protestantes que celebram a pascoa de forma diferente, os protestantes não exigem tanta restrição, eles não costumam celebrar todos os dias da semana santa como os católicos dando mais importância para sexta feira santa e o domingo de pascoa.

A semana santa começa com o domingo de ramos  que lembra a entrada de Jesus em Jerusalém, caso que levou  as pessoas a cobrir as entradas com folhas da primavera para celebrar sua chegada.

A sexta feira  santa e quando celebrado a morte de Jesus Cristo na cruz, e então com o domingo de pascoa os cristãos celebram a ressurreição de Cristo e sua primeira aparição para seus discípulos.

Juazeiro do norte conhecida como  a terra de Padin Ciço, querida por uma legião de cristãos que levam essa data muito a serio, a ressurreição de Cristo e algo que para a cidade, que além de trocar ovos e comer chocolates, leva a essa data com muito respeito e devoção.

Pra quem tinha alguma duvida sobre o real significado da pascoa, espero ter esclarecido um pouco, a pascoa é sim muito importante para muita gente gerar renda extra, reunir a família em torno de guloseimas, e presentear a pessoa amada com um belo e delicioso ovo, mas não podemos nunca esquecer que a ressurreição de cristo é seu real significado.

 

 

aniversario_pc

Aniversario de nosso Padre Cicero

Como todos sabem nosso Padre Cicero é um ícone em nossa querida Juazeiro do norte, conhecido por seus supostos milagres padre Cicero que morreu aos seus noventa anos de idade carrega consigo uma legião de devotos, devotos esses que são muito bem acolhidos por nossa querida terra, que além da hospitalidade carrega muita beleza e muitas opções turísticas para seus visitantes, que sempre querem um bis de nossa terrinha e acabam voltando pela experiencia que adquirem a cada vinda a terrinha de Padim Ciço, “Padre Cicero”.

 

Pensando nessa experiência que nossa  Juazeiro do norte eterniza nas memorias de nossos visitantes, a pousada sombra do jua, visa totalmente a experiencia que nossos hospedes vão ter dês de sua entrada até sua saída, com atendimento de qualidade, profissionais qualificados e treinados para suprir todas as necessidades dos hospedes do começo ao fim de sua jornada conosco, com quartos com chuveiro elétrico, suítes aconchegantes, café da manhã, em um ótimo ambiente familiar.

 

Um dado que poucos sabem e que Padre Cicero foi considerado um dos 100 maiores brasileiros de todos os tempos, o que só reforça o quanto sua tragetoria  em seus noventa anos de vida impactou e continua impactando, a vida dos brasileiros.

 

 

Entre os milagres mais famosos de Padre cicero, um dos mais conhecidos é o milagre da hóstia, foi um suposto fenômeno sobrenatural, ocorrido em nossa Juazeiro do norte, em 1889, segundo relatos da época varias eucaristias administradas por Padre Cicero, teriam se transformado em sangue, que era recolhido em lenços pelo padre, julgando-o ser o próprio sangue de cristo, o fenômeno teria se repetido  47 vezes em especial nas quartas e sextas- feiras da quaresma e outros dias, até o dia da ascensão.

Essa e uma pequena parte da grande trajetória de nosso Padim Ciço.

Gostou?

Não deixe de nos segui nas redes sociais, Facebook, instagram.

 

 

 

 

Corpus Christi Juazeiro do Norte

Cristãos em Juazeiro do Norte

Sabemos que Juazeiro do norte movimenta grande volume de cristãos, por ser a terra do querido padre Cicero ‘Padin Ciço’.

Mas também tem muitos outros movimentos religiosos que atrai os cristãos para essa bela cidade, como a paixão de cristo, que inclusive se comemora o feriado municipal no dia 30/03. Fora o feriado tem também as famosas encenações da paixão de cristo onde os cristãos, veem de perto a morte e a ressurreição de Jesus, levando muita emoção  e comoção aos religiosos. Continue lendo

Passeios_juazeiro

Passeios em Juazeiro do Norte

Os roteiros em Juazeiro do Norte estão, em sua maioria, relacionados com a passagem do sacerdote Cícero pela cidade até sua morte.

Dentre os atrativos, a estátua que homenageia sua figura, memorial e museu com antigos pertences, etc. Porém, também podem ser encontradas outras atrações como teatro, museu paleontológico, gráfica de cordel, uma torre e um parque aquático, ótimos lugares para fazer passeios com a família e criar boas lembranças de Juazeiro do Norte.

Continue lendo

Dia de Reis em 6 de janeiro

Dia de Reis

Dia de Reis é uma festa da Igreja Católica Apostólica Romana, realizada entre os dias vinte e quatro de dezembro e 06 de janeiro.

O dia de Reis foi criado para lembrar a data em que os três Reis Magos entregaram presentes ao Menino Jesus.

A folia de reis é um movimento cultural onde os grupos saem caminhando a pé pelas ruas das cidades, para levar às pessoas as bênçãos do menino Jesus, comemoração trazida de Portugal na época da colonização do Brasil. Continue lendo

Bengala do Padre Cícero - Juazeiro do Norte

Curiosidades que só quem é de Juazeiro conhece

Curiosidades…

Quem nasce por aqui pode até sair da cidade, mas é fato que a cidade nunca sairá de um juazeirense nato. Conhecido pela fé de seus habitantes e pela devoção por Pe. Cícero, o município tem uma série de curiosidades que só quem é de lá sabe. Vamos lá as curiosidades…

1. Dar três voltas na Bengala da Estátua do Pe. Cícero

É comum, ao visitar a Estátua do Pe. Cícero que fica localizada na colina do Horto em Juazeiro do Norte, dar três voltas ao redor da Bengala como forma de agradecimento por ter chegado até ali, e também como uma maneira de cumprir um ritual.

2. Assistir a Missa de Chapéu

No encerramento de toda Romaria é tradição em Juazeiro do Norte os Romeiros e quem estiver presente, assistir a última missa do evento com o chapéu na cabeça, e no final abaná-lo como sinal de agradecimento.

3. Comer no Restaurante Coisas do Sertão

O restaurante é tradicional e fica localizado na Av. Pe. Cícero, no caminho entre Juazeiro e Crato. O lugar é todo decorado com objetos antigos, rádios, TV’s, paredes de barro… E a comida é a típica, com toda variedade de pratos, desde o baião de dois com ovo a uma galinha a cabidela.

Cajuína
Cajuína

4. Chamar Refrigerante de Caju de Cajuína e tomar bem gelado

O nome verdadeiro é Refrigerante de Cajú, mas em Juazeiro ninguém chama assim. É Cajuína, que por sinal, bem gelada, é o melhor refrigerante do Cariri.

5. Acompanhar as procissões decorrentes das várias Romarias que acontecem ao longo do ano

Pelo menos quatro vezes no ano acontecem Romarias em Juazeiro: Candeias (02 de fevereiro), Morte do Pe. Cícero (20 de Julho), Nossa Senhora das Dores (15 de Setembro) e Finados (02 de Novembro). Com mais de 500 mil pessoas peregrinando pela cidade, é impossível ficar de fora. O bonito é apreciar, participar e, no meu caso, fotografar. Talvez seja um dos melhores laboratórios para os amantes da fotografia.

6. Se acostumar a ver arte, artesãos e cultura popular em cada canto da cidade

Quem é do Cariri sabe que é de costume ver artesãos de todos os tipos fazendo arte, desenhos e esculturas por todos os cantos das cidades. Um dos principais lugares que reúne boa parte desses artistas é o Centro Cultural Mestre Noza, na Rua São Luís, em Juazeiro do Norte.

7. Dar uma volta no Passeio das Almas

Algumas vezes durante o ano a parte superior da Igreja do Franciscano, localizada no bairro São José, é aberta para visitação pública, geralmente na época das Romarias. Como fica fechada durante o resto do ano, os populares passaram a chamar de Passeio das Almas.

8. Já tomou o Bálsamo da Vida

A Receita é do Pe. Cícero, mas hoje é vendido exclusivamente na Farmácia dos Pobres na Av. Pe. Cícero, em Juazeiro. E o Bálsamo serve pra tudo! Quando criança tomava pra dor de barriga, dor de cabeça, passava no machucado, ferida… Enfim, é mesmo um santo remédio.

9. Sabe o que é ter uma 25 de Março na Rua São Pedro

O Mercado Central de Juazeiro do Norte é uma pequena mostra de um lugar onde se vende de tudo: panela , temperos, relógio, brinco, pulseira, óculos, roupa… Tudo o que você imaginar. É como se fosse uma 25 de março (que fica em São Paulo) dentro de um mercado em Juazeiro do Norte (que fica na Rua São Pedro).

10. Conhece o Santo Sepulcro

Santo Sepulcro é um lugar onde o Pe. Cícero ia para meditar e rezar. O acesso ao local não é muito fácil, mas atrai muita gente em busca de reza e passagem pelas brechas das características pedras existentes ali. O Santo Sepulcro fica localizado na Colina Horto, a alguns quilômetros da estátua do Pe. Cícero.

11. Crajubar

Só quem é do Cariri sabe o que é acordar no Juazeiro, almoçar no Crato e dormir em Barbalha. É que as três cidades da região do Cariri são muito próximas, o que permite ao Juazeirense morar em uma, trabalhar em outra e se divertir na outra.

 

 Fonte: Internet
Natal em Juazeiro

Prefeitura abre o Natal de Paz com programação até Janeiro

Prefeitura de Juazeiro do Norte abre o Natal de Paz e terá programação até 6 de janeiro

O roteiro das apresentações do Natal de Paz, inclui os Centros de Referência em Assistência Social (CRAS). Este ano, o Ciclo Natalino contará com uma programação especial e apresentação dos grupos de tradição, nos bairros, de 25 de dezembro a 6 de janeiro. O evento vem sendo organizado por meio da Secretaria de Cultura.

A programação de Natal insere um trabalho conjunto das secretarias de Administração e Finanças, Meio Ambiente e Serviços Públicos, Infraestrutura, Turismo e Romaria, Desenvolvimento Social e Trabalho, Educação, Agricultura e Abastecimento, entre outros setores, integrados para o fortalecimento das festividades natalinas.

Segundo a Setur, o Natal de Paz traz aos Juazeirenses a oportunidade de vivência da festa natalina a partir da promoção da paz, alinhado ao bem-estar da população com Beleza, Limpeza e Clareza. A finalidade é poder realizar um Natal para a vivência da paz em Juazeiro do Norte,

Uma programação também será desenvolvida na zona rural da cidade, nas localidades da Palmeirinha e Caras do Umari, no dia 16, às 19h; Taquari e São Gonçalo, dia 17, no mesmo horário.

Cidade iluminada

Natal em Juazeiro
Natal em Juazeiro

As praças de Juazeiro do Norte começam a receber uma decoração natalina especial, além de vias principais de acesso ao Centro, como a Avenida Padre Cícero. A inspiração está centralizada na vivência da paz, bem-estar da comunidade, com destaque também para os valores das manifestações culturais.

A praças do Giradouro e Padre Cícero, Avenida Padre Cícero, fachadas de templos religiosos, além da Praça da Prefeitura Municipal, entre outros espaços, já recebem o tom especial das festividades, envolvendo a população no clima do Natal. Árvores de Natal serão colocadas em praças do João Cabral, Lagoa Seca, Franciscanos, Triângulo, Socorro e Matriz.

Repertório natalino

Dentro da programação do Natal da Paz, a Secretaria de Cultura, através da Banda Municipal Padre Cícero está com uma programação especial. Entre os dias 06 e 21 de dezembro, estará se apresentando nas principais praças de Juazeiro do Norte, com repertório exclusivamente voltado para o período natalino e as festas de Reis.

Clássicos como Papai Noel, o Bom Velhinho e Noite Feliz fazem parte da lista, além de músicas das brincadeiras dos grupos de reisado de Juazeiro do Norte. O Município recebe durante as festividades de final de ano, milhares de visitantes, se configurando na Romaria de Natal, o que torna a cidade ainda mais movimentada durante essa época do ano.

Fonte : Site da Prefeitura de Juazeiro do Norte

Árvore de Natal

A História da Árvore de Natal

Como surgiu a Árvore de Natal…

Seu aparecimento foi  no século XVI, onde os povos enfeitavam árvores para celebrar a fertilidade da natureza.

Porém, a tradição de enfeitar as casas com plantas já existia como por exemplo os egípcios que cortavam galhos de palmeiras, para celebrar a vitória da vida sobre a morte.

Para os Romanos era uma forma de homenagear Saturno, o deus da agricultura, eles enfeitavam suas casas com pinheiros e faziam uma festa de inverno que tinha o nome de saturnália.

As pessoas mais religiosas como agradecimento pelas colheitas do solstício de inverno, enfeitavam os carvalhos com maçãs douradas.

Após algum tempo, os povos pagãos da Alemanha também resolveram enfeitar os pinheiros, porque acreditavam que eram árvores santificadas. Isso acontecia entre o outono e o inverno, época em que caem suas folhas com a intenção de manter as árvores bonitas, para que os espíritos das mesmas não se afastassem.

Árvore de Natal
Árvore de Natal

O costume de enfeitar as árvores, com a chegada do natal, foi tornando-se uma tradição e, com isso, cruzou as barreiras dos países vizinhos, se tornando um hábito no mundo inteiro.

Na tradição alemã, cada ornamento colocado na árvore tem um significado: o peixe, as bênçãos de Jesus; a casa, abrigo e proteção; a pomba, a alegria; as frutas, a generosidade; a pinha, a fartura; o papai Noel, a bondade; e o coração, o amor.

Os pinheiros de natal tornaram-se tão importantes para a festa natalina que passaram a ser cultivados para fins lucrativos. Nos Estados Unidos podemos ver a seriedade das plantações, que são milimetricamente observadas, para que cresçam de forma perfeita e ideal.

No Brasil, como não há esse tipo de comércio, os pinheiros natalinos são fabricados artificialmente.

Com o Natal chegando os corações das pessoas se renova de esperança e todos buscam a renovação para suas vidas, enchendo os corações de paz, amor, perdão e felicidade.

Fonte: Internet