×

Quem é Espedito Seleiro?

Quem é Espedito Seleiro?

“Na cidade de Nova Olinda, distante 510km da capital do Ceará (Fortaleza), encontra-se um seleiro conhecido mundialmente. Suas sandálias de couro fazem sucesso em toda região.”

Espedito Seleiro, junto a Fundação Casa Grande, incluiu Nova Olinda no roteiro turístico da região do Cariri. Sendo a quarta geração de seleiros de sua família, Espedito aprendeu o ofício com o seu pai aos 8 anos de idade.

sandáliaEste fazia selas e gibões de couro, até que um dia um cliente encomendou uma sandália “quadrada”, trazendo-o um desenho e depois voltou para buscar sua encomenda, o qual recebeu, aprovou o produto e se identificou como cangaceiro do bando do Capitão Virgulino.

Ao passar dos anos, o idealizador da Fundação Casa Grande, Alemberg Quidins, pediu para que Espedito Seleiro confeccionasse uma sandália igual ao de Lampião. Por sorte, Espedito conseguiu resgatar os desenhos da sandália original que seu pai guardou, e em seguida reproduziu. Logo em seguida criou também a sandália de Maria bonita, que até hoje faz sucesso.

Dessa forma, os traços delicados e as cores das sandálias ganharam o mundo. Mas ainda hoje sandália-espedioele continua um seleiro simples e atencioso, que emprega boa parte da família e da comunidade depois da criação da Associação Espedito Seleiro, de forma a passar o seu conhecimento aos novos aprendizes.

Não é a toa que hoje ele é o mais renomeado mestre artesão de nosso país. Sua obra já foi conhecida até com a Ordem do Mérito Cutural. Na sua oficina são fabricadas selas, itens de vestuário, sandálias, acessórios e mobiliários, tudo em couro ricamente trabalhado.

Quem o conhece somente pelas histórias não tem ideia de sua simplicidespedito-seleiroade. Durante a visita a oficina, entre muitas histórias contadas, mestre Espedito Seleiro s
olta a frase: “gosto muito de dar entrevista não, prefiro lidar com o couro”. Nesse momento percebe que aquele simples artesão entrega muito mais que selas e sandálias de couro. Em cada pedaço de couro trabalhado por Espedito Seleiro vai junto parte de sua vida, contada em passo firme, como caminhava o bando de Lampião.

Deixe uma resposta

Seu email não será divulgado. Campos obrigatórios estão marcados com *

*