×

Romaria da Esperança – Programação 2016

Finados 2016 - Romaria da Esperança

Romaria da Esperança – Programação 2016

Romaria da Esperança tem a Programação divulgada pela Igreja nessa semana com algumas novidades

Na última semana, o administrador da Basílica menor de Nossa Senhora das Dores, Padre Paulo Lemos Pereira divulgou a programação referente a Romaria da Esperança. A Romaria da Esperança acontece no feriado de 02 de novembro, finados.

O tema será “Padre Cícero e São Francisco Caminhos de Paz e Justiça para Cristo” que começará a partir do dia 29 de outubro e se estende até 2 de novembro. A programação consta de missas e confissões, bem como procissões diárias saindo da capela do Socorro em direção à Basílica sempre após a celebração das 17 horas.

Antes, nesta segunda-feira, dia 26, às 19 horas, haverá a entronização do Santíssimo Sacramento na Capela da Adoração recém-construída na Basílica. Na manhã desta quinta-feira, no Círculo Operário São José, aconteceu a reunião da Operação Romeiro reunindo secretários municipais, Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros, Demutran, Juizado da Infância e da Juventude, Guarda Civil Municipal, Escoteiros Mirins e Sebrae.

feriado02nov2016
Romaria da Esperança – Feriado de Finados 2016

Coube ao Secretário de Turismo e Romarias, José Carlos dos Santos, presidir o encontro definindo-o como uma espécie de socialização de idéias e o fechamento de um programa a ser cumprido com todos os órgãos governamentais ou não.

Lembrou o tema central deste ano relacionado com os 40 anos de inauguração da estátua de Padre Cícero quando haverá uma homenagem ao médico Mauro Sampaio que, quando prefeito, construiu o monumento.

Ele não esqueceu de citar os preparativos para a festa dos 100 anos de Juazeiro e aposição de uma placa na agência dos Correios lembrando que naquele prédio foi onde nasceu a beata Maria de Araújo.

Será às 9 horas do dia 30 de outubro, sendo que, no dia 1º – consagrado ao romeiro ? vários artistas se revezarão em um palco na Praça dos Romeiros num show em homenagem aos peregrinos. Na opinião do padre Paulo, a romaria está sendo tratada de uma forma constante pelo poder público.

O sacerdote destacou o empenho de todos no sentido de buscar o melhor para a comunidade local e os que nos visitam. “O caminho é longo e temos muitos desafios pela frente, mas ficamos felizes em ver que há um planejamento e uma organização”, acrescentou. Já o frei Raimundo Barbosa Filho, pároco do Santuário de São Francisco, disse estar convencido que não há um santuário maior que Juazeiro e avisou que outros 34 padres virão ao município dentro dessa perspectiva de uma Diocese Romeira como quer o bispo dom Fernando Panico.

Em sua fala, o vice-prefeito José Roberto Celestino observou que a atual gestão está avançando no trato das romarias, enquanto o Secretário de Segurança e Presidente do Fórum Permanente de Romarias, Cláudio Luz, disse que não havia qualquer estrutura de acolhimento aos fiéis e que o governo de Santana partiu do zero.

Por isso, conforme alegou, foi criada a comissão permanente para discussões amplas entre diversos setores. Ele defendeu esforços conjuntos e considerou que a própria Igreja tem um papel importante neste sentido.

Ele disse ainda que o Governo do Estado vai dar um apoio bem maior na área de segurança pública. Para Cláudio, questões como iluminação e a limpeza pública foram pontos negativos na última romaria junto com o problema do trânsito que considera sempre complicado julgando ser uma questão estrutural do município.

O secretário espera que isso seja resolvido com a futura construção do anel viário e o estacionamento para ônibus e caminhões.

Fonte: Miséria

Deixe uma resposta

Seu email não será divulgado. Campos obrigatórios estão marcados com *

*